sábado, 28 de janeiro de 2017

TEXTO FATIADO: COMO TRABALHAR? VEJA O PASSO A PASSO


Por Cristiane Costa

Antes de iniciarmos o nosso passo a passo de como trabalhar um texto fatiado é importante sabermos que os textos que ofereço aos meus alunos podem ser qualquer cantiga de roda, parlenda ou adivinha que as crianças gostem pois o que dará a complexidade da atividade será a intenção do educador e sua abordagem também. Quais seus objetivos com o trabalho com esses textos memorizados? Qual a sua intervenção? Todos esses questionamentos devem ser feitos ao planejar uma atividade com textos de memorização pois durante o processo as crianças farão importantes descobertas sobre a escrita.


IMPORTÂNCIA PARA A LEITURA
Para ler textos que sabem de cor, as crianças têm que fazer a correspondência entre as partes do texto que já sabem com os trechos escritos, descobrindo a relação entre fonema e grafia, conhecendo letras novas e como se dá a segmentação das frases em pedaços menores e independentes, as palavras.



IMPORTÂNCIA PARA A ESCRITA
Já na situação de escrita, precisam colocar em cena o nível do conhecimento do sistema alfabético e o que já sabem a respeito da escrita convencional. Com base em tudo isso, fica claro que ambas devem ser realizadas em sala e que uma não é pré-requisito para outra.
Através da repetição, a criança memoriza quadrinhas e canções inteiras, muitas vezes sem entender-lhes o significado, pois o que importa nesse momento é a sonoridade, a cadência e o ritmo dessas composições (parlendas).

Fica evidente que parlendas, cantigas de roda podem ter um papel importante no processo de alfabetização, não só pela sua familiaridade com o discurso da criança mas também porque permite à criança a conquista da linguagem. 


O PASSO A PASSO ANTES DO TEXTO FATIADO
EXPLORANDO O TEXTO


Se faz necessário antes de montar o texto fatiado explorá-lo para que muitas habilidades sejam desenvolvidas.

PRIMEIRO DIA:
  • Organize a sala para a leitura do texto (pode ser em círculo, em U ou como preferir, deixando os alunos à vontade). Utilizar também o cartaz ou o quadro mesmo. Eu prefiro o cartaz pois precisarei utilizá-lo em outros momentos.
  • Mostre o cartaz do texto escrito com letra de imprensa maiúscula.
  • Leia o texto pausadamente, passando o dedo sobre as palavras.
  • Repita a leitura até que os alunos se familiarizem com as palavras e consigam repeti-las sozinhos. É muito importante que esse processo de memorização seja prazeroso e para isso brincar com eles enquanto memoriza é uma excelente opção.
  • Peça que os alunos leiam o texto, vá passando o dedo em cima das palavras e mostrando que a leitura se faz da esquerda para a direita e de cima para baixo.
  • Peça que cada aluno também faça a leitura individualmente com suas orientações como na leitura coletiva ( do cartaz ou do quadro ou entregar o texto).
  • Faça a exploração oral do texto com questões de compreensão.

NO SEGUNDO DIA:
  • Mostre novamente o cartaz e leia-o com os alunos.
  • Peça que os alunos identifiquem a primeira e última palavra da parlenda, colorindo-as.
  • Dite algumas palavras para as crianças circularem no texto. Você pode fazer isso no cartaz ou individualmente.
  • Peça para as crianças representarem através de desenhos o texto. Depois exponha na sala. 
TERCEIRO DIA:

Distribua o texto para cada aluno e peça que eles pintem de lápis de cor os espaços em branco, levando-os a perceber que em cada espaço temos uma nova palavra. Explore o texto:
  • Peça que eles contem o número de palavras encontradas na 1º linha em seguida repita a atividade com as demais linhas.
  • Mostre que existem palavras com poucas letras (a, boi, em, com etc.) ressaltando que elas são palavras.
  • Peça para eles circularem uma palavra do texto  e  contem o número de letras dessa palavra: quantas letras tem? qual é a letra inicial? qual é a letra final?
  • Em seguida, peça que eles circulem de determinada cor as palavras com 2 letras, de outra cora as palavras com 3 letras e assim por diante.
  • Pergunte aos alunos se nesse texto aparece alguma palavra repetida, se aparecer, peça que eles as sublinhem.

veja como exemplo:





QUARTO DIA:
  • Disponibilize o alfabeto móvel com várias letras para os alunos e peça que eles montem inicialmente uma palavra. Depois desafie seus alunos pedindo que montem outras palavras do texto. peça que façam o registro no caderno ou em folha. Exemplo:






QUINTO DIA:

  • Agora organize os alunos em grupos e disponha fichas com as palavras do texto e peça  que as organizem. Nesse momento as crianças já terão memorizado o texto e já estarão prontas para enfrentar o desafio de relacionar a parte com o todo, fazer corresponder o falado com cada parte escrita, tem que pensar como dividir o que falam para que encontrem a palavra no exato lugar em que ela está.






Postar um comentário